28 de novembro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
4/05/22 às 15h49 - Atualizado em 4/05/22 às 15h50

Invasão de Formigas assusta moradores de Brasília

COMPARTILHAR

A invasão de formigas tem assustado os moradores de Brasília. Na Asa Sul, há registros de formigueiros dentro de esgotos, em lixeiras e nas calçadas. Na Asa Norte, os insetos também estão espalhados nas áreas verdes de diversas quadras A Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) admite um aumento na quantidade de insetos e diz que o departamento de Parques e Jardins "trabalha diariamente no controle de formigueiros". A companhia informou que prepara um edital de licitação para conseguir atender a demanda no Distrito Federal, "que é grande", nesta terça-feira (3), as equipes trabalharam para eliminar formigueiros na Asa Sul, no Sudoeste, na Octogonal e no Cruzeiro.

 

O porteiro Gimadalbérico Antônio da Silva trabalha na 408 Sul há 31 anos. Ele conta que o síndico do prédio contratou uma empresa de dedetização três vezes, mas não foi suficiente para controlar a infestação de formigas.

Segundo o porteiro, os insetos invadiram não só a quadra 408. Gimadalbérico conta que os insetos também tomaram conta da 407 Sul e da 208 Sul. Na via L2 Sul, também é fácil encontrar formigueiros nos gramados.O biólogo Luiz Lira, especialista em insetos, explica que os formigueiros surgem depois das chuvas, "quando as formigas saem pra revoada, pra geração de novos formigueiros". Mas, segundo ele "cada caso deve ser avaliado".

Segundo Lira, as formigas tem muito mais "importâncias do que desimportâncias". Ele lembra que os insetos trabalham na aeração do solo, na ciclagem de nutrientes, na dispersão de sementes e também no controle de algumas pragas.

O entomólago conta ainda que muitos formigueiros são subterrâneos, com grandes túneis e câmaras. "Então, aquilo que você vê do formigueiro, a olho nu, saiba que é muito maior o que tá pelo subterrâneo", alerta.

Em Brasília, muitos moradores se queixam das picadas – nos humanos e também nos animais, principalmente os cães que são levados pelos tutores que moram nos apartamentos do Plano Piloto para passear nas áreas verdes.

A estudante Yasmin Paes é uma das que já foram mordidas enquanto caminhava. "Nossa, dá um ardido assim, muito ruim", diz ela.

O biólogo Luiz Lira aponta que algumas espécies de formigas podem causar desconforto porque têm mandíbulas muito fortes, que podem provocar cortes e pequenos sangramentos. Outras, lembra ele, possuem ferrão.

Mas, conforme o especialista em insetos, "a não ser que a pessoa seja muito alérgica, a indicação é lavar o machucado com água corrente e sabão". Diferentemente das abelhas, as formigas não deixam ferrão na pele das suas vítimas.

No entanto, se algum processo alérgico for percebido, o biólogo alerta que é importante procurar por ajuda médica.

Fonte: G1

Mapa do site Dúvidas frequentes