14 de agosto

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
18/05/22 às 14h44 - Atualizado em 18/05/22 às 14h44

GDF inicia ciclo de apresentações da pesquisa por amostra de domicílio

COMPARTILHAR

Chegou a vez das cidades conhecerem um pouco mais da sua população. Após a divulgação da Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad) 2021, da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), no último dia 9, no Palácio do Buriti, com a presença do governador Ibaneis Rocha, chegou a vez de cada uma das 33 regiões administrativas se informar sobre as características dos moradores, como idade, etnia, se possui ou não alguma deficiência, estado civil, aspectos das habitantes (dados separados das mulheres), entre outras. Além de características dos domicílios, entre os quais arranjos familiares, infraestrutura, atributos internos do lar, animais e indicadores sociais.

A partir desta quarta-feira (18), a Codeplan iniciará um ciclo de apresentações do raio-x das regiões do Distrito Federal. Serão sete encontros por Unidade de Planejamento Territorial (UPT), sendo uma por semana. As UPTs são subdivididas em Central (Plano Piloto, Candangolândia, Cruzeiro e Sudoeste/Octogonal), Central Adjacente 1 (Lago Norte, Lago Sul, Park Way e Varjão), Central Adjacente 2 (Águas Claras, Guará, Núcleo Bandeirante, Riacho Fundo, SCIA-Estrutural, SAI, Vicente Pires e Arniqueira), Oeste (Brazlândia, Ceilândia, Samambaia, Taguatinga e Sol Nascente/Pôr do Sol), Sul (Gama, Recanto das Emas, Riacho Fundo II e Santa Maria), Leste (Itapoã, Jardim Botânico, Paranoá e São Sebastião) e Norte (Fercal, Planaltina, Sobradinho e Sobradinho II).

A primeira apresentação da Pdad 2021 será às 10h, desta quarta-feira (18), na Administração Regional do Lago Sul, localizada na QI 11. Ela está inserida na UPT Central Adjacente 1, composta ainda pelas cidades do Lago Norte, Lago Sul, Park Way e Varjão.

Levantamento

Realizada a cada dois anos, a Pdad é a fonte principal de informação para a gestão governamental subsidiar políticas públicas eficazes. O estudo traz um diagnóstico completo de Brasília, tratando de temas para fornecer um retrato socioeconômico de suas 33 regiões administrativas.

Na edição de 2021, a pesquisa visitou mais de 30 mil domicílios, sua grande maioria em áreas urbanas, a fim de investigar aspectos demográficos, de migração, condições socioeconômicas, situações de trabalho e renda, entre outros, de modo a oferecer um amplo diagnóstico das atuais circunstâncias da cidade.

Como novidade, o estudo trouxe o questionário de identidade de gênero e orientação sexual para maiores de 18 anos, a existência de animais domésticos nos domicílios e questões relacionadas à insegurança alimentar.

*Com informações da Codeplan

Fonte: Agência Brasília

Mapa do site Dúvidas frequentes